Prisão em Flagrante: Polícia Militar age contra violência doméstica em Três Lagoas

No sábado, dia 13 de janeiro, os policiais militares do 2º Batalhão de Polícia Militar de Três Lagoas realizaram uma prisão em flagrante de um homem de 50 anos por crimes contra a mulher. Além disso, foi cumprido um mandado de prisão em seu desfavor durante a ação.

Por volta das 21h50, uma guarnição de radiopatrulha do 2º BPM foi acionada pelo Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM) para atender a uma ocorrência de violência doméstica na rua Vinte e Cinco, no bairro Vila Piloto. Ao chegarem ao local, os policiais se depararam com uma vítima de 29 anos, que relatou ter sido vítima de agressões físicas e ameaças por parte de seu esposo embriagado.

Conforme o relato da vítima, o agressor chegou à residência em estado de embriaguez e, em um momento de exaltação, proferiu insultos verbais antes de partir para agressões físicas. A vítima foi arrastada pelos cabelos até a varanda e ameaçada com uma faca.

Os policiais, diante da gravidade da situação, agiram com rapidez e eficácia, imobilizando o agressor. Uma consulta nos sistemas policiais revelou a existência de um mandado de prisão em aberto em desfavor do indivíduo, expedido pela 1ª Vara Cível de Três Lagoas.

Após a prisão em flagrante, o detido foi encaminhado à Delegacia de Polícia, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante pelos crimes de ameaça, injúria e vias de fato, configurando a violência doméstica. As autoridades ressaltaram a importância de enfrentar prontamente casos de violência doméstica e garantir a segurança das vítimas.

O agressor permanece sob custódia, aguardando as devidas providências legais.